Vacina contra influenza equina será obrigatória

Em nota divulgada pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), o órgão informa que a partir do dia 1º de março entrará em vigor a IN 03/2018 SEAPI-RS, instrução normativa que passa a exigir a obrigatoriedade da comprovação de vacina contra influenza equina para animais que ingressarem em eventos agropecuários.

A exigência tem o objetivo de garantir o controle da ocorrência da doença no Rio Grande do Sul.

A SEAPDR ainda afirma que “a carteira de vacinação precisa conter a resenha do animal, além das informações sobre a vacina aplicada e a data da aplicação, que deverá ser inferior a 1 ano. Os animais primovacinados deverão respeitar um período de carência de 21 dias após a aplicação da vacina para a emissão da Guia de Trânsito Animal (GTA). Atestados clínicos de não ocorrência da doença não serão mais aceitos”.

Informações ABCCC

Leave a comment

Please be polite. We appreciate that. Your email address will not be published and required fields are marked